>
RH

Diversidade cultural nas empresas: por que ela é tão importante?

Entenda a importância da diversidade cultural para construção de um ambiente inclusivo e saudável para todos os colaboradores.

Garantir a diversidade cultural nas empresas, nos dias de hoje, é primordial para um ambiente de trabalho inclusivo e saudável para todos, onde os colaboradores se sintam representados, participativos, e para que se identifiquem com a cultura da organização.

Promover a diversidade também é, cada vez mais, uma tendência no mercado de trabalho. E é possível observar, cada vez mais, um aumento no número de profissionais que enxergam em empresas que garantem esse tipo de ação, um diferencial. 

Ao longo deste artigo, você entenderá o que é diversidade cultural e quais são os benefícios de promovê-la em sua empresa. Confira!

O que é diversidade cultural?

Diversidade cultural é um conceito desenvolvido por profissionais de sociologia e antropologia para definir a existência de culturas e perspectivas dentro da nossa sociedade. 

Quando falamos sobre diversidade cultural nas empresas, a ideia é que esses variados grupos étnicos e sociais tenham representatividade dentro da organização. Aqui, falamos de origens, visões políticas, orientações sexuais, idades, classes sociais, religiões, necessidades especiais, entre outros. 

Ou seja, a diversidade cultural dentro das empresas nada mais é do que promover esse ambiente de inclusão para pessoas que, na sociedade em geral, são marginalizadas ou minorias.

O acolhimento aos diversos perfis de pessoas precisa fazer parte do core da organização, e não ser promovido apenas da boca para fora. Não deve-se olhar para inclusão como “algo a ser resolvido”, e sim como algo que acredita-se e entende-se genuinamente. 

Por que garantir a diversidade cultural nas empresas?

Para aqueles que promovem a diversidade cultural nas empresas de maneira realmente inclusiva e vivem esses valores, os benefícios alcançados podem ser imensuráveis. 

Primeiramente, há, é claro, o maior engajamento dos colaboradores. A partir do momento que um profissional se sente realmente representado pela empresa e está inserido em seus valores, ele se torna muito mais motivado, comprometido e se envolve profundamente com o seu trabalho. 

Consequentemente, esse trabalho gera mais resultados. Colaboradores felizes são colaboradores que contribuem mais para o crescimento da empresa. Além disso, é possível observar uma diminuição da taxa de turnover, com menor rotatividade de profissionais. 

Por último, mas não menos importante, temos também a contribuição da empresa para uma sociedade mais inclusiva, com menos preconceito e discriminação. 

Para chegar lá, porém, é preciso garantir que esses colaboradores tenham o seu espaço, promovendo treinamentos e programas de inclusão, incluindo essas ações em seus processos seletivos e garantindo que a comunicação e a linguagem utilizadas pela empresa estejam de acordo com essa realidade e não sejam exclusivas.

A diversidade cultural nas empresas é um grande avanço para a sociedade como um todo, mas estamos apenas iniciando nessa jornada. Para aprender mais sobre temas como esse, continue acompanhando o blog da Alymente

Nadjine Hochleitner Terhoch
Jornalista e apaixonada por fotografia e literatura.